Escutar o que você não diz

Muitos pacientes ou mesmo pessoas que me procuram, perguntam o que deveriam falar e como deveriam falar em sua psicoterapia. Em primeiro lugar, a busca pela psicoterapia é de suma importância para o início do tratamento. No momento em que o sujeito já pensa em buscar a psicoterapia, ela iniciou. O desejo de mudança, por mais dolorida que seja, é o fundamental. Num segundo momento e a partir disso, sem fugir do assunto que é a pauta principal deste post, o paciente que tem maior dificuldade de se expressar, inicia sua fala pela semana que passou, de uma forma racional. – Mas lembro: falar é uma das formas de o sujeito de o sujeito se expressar – Essa racionalidade é uma forma de defesa daquilo que é inconsciente, portanto, “racionalizo para evitar falar o que sinto; para evitar minha angústia”. Isso é algo natural. Em suma, quero dizer que cada um tem seu “tempo”, o tempo de estar preparado para se escutar, o que às vezes dói, por exemplo, em admitir que na via que trafegava era a equivocada e terá que dar a volta para o início ou pelo menos a alguma parte logo atrás de sua estrada. Metaforicamente procurei, na parte destacada, deixar mais claro sobre a questão de se admitir que de alguma forma as coisas não estão bem. E não erradas ou certas. Não há certo ou errado no caos do nosso Id, há, sim, um caos. E um caos é um caos, uma desordem. Por fim, procure falar o que vem à sua cabeça durante a sessão de psicoterapia. Geralmente há, na mente do paciente, o receio natural do julgamento do Psicólogo com relação ao que escutar, porém, o psicoterapeuta está ali para escutar e auxiliar, e não para julgar, emitir opiniões, contestar a verdade do sujeito, dentre outras coisas. “O psicoterapeuta está ali para escutar. Está ali para ouvir o que o sujeito diz, mas escutar o que ele não diz”.

Cleuber Roggia – #cleuberpsi #lugarpsi

 

psicanálise psicologia santa maria rs terapia online

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: